<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d10210114\x26blogName\x3din+loco\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://selph.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://selph.blogspot.com/\x26vt\x3d-2414873366062592404', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

encontros

Estou na metade de minhas férias.

Desde que cheguei em Sampa (01/dez), não parei. Todo dia me levavam pra conhecer algum lugar novo. E entre pizzarias, baladas e clubes, fui vendo meu tempo nesta cidade se esvair.

Mas não antes de poder cumprir uns certos compromissos virtuais.

Primeiro foi ela

O contato tinha sido tímido no início, de certa maneira eu só vim conhecer seu blog por meio da indicação de uma certa prodígia. Gostei, e daí veio a idéia de encontrá-la neste mundo de pedra.

Foi ótimo conhece-la. Além de ser gente boa e bem humorada, ela ainda tem um ótimo gosto musical, atestado diante de uma ida à Galeria do Rock.

Depois da primeira experiência bem sucedida, faltavam realizar mais 2 contatos.

Um deles já não possui mais blog, e como eu não dispunha do seu perfil no Orkut (taí uma utilidade pra ele) ficou difícil manter contato. O cel. apenas chamava e chamava. Uma pena não ter encontrado Trotta, talvez ocorra em outra oportunidade.

O outro é o que costumamos chamar de blogstar. Engraçado, pois sempre que a palavra "star" me vinha a mente eu imaginava seres um tanto quanto arrogantes. Mas no que diz respeito a Alê, esse pensamento cai por terra facilmente.

Extremamente simpática e comunicativa, ela fez questão de ir ao encontro casual que eu e Ana teríamos com Endie. Sim, eu conheci a menina de 24 primaveras sem efeitos especiais. E ela além ser bastante diversificada, tem uma ótima conversa.

E esse encontro foi realmente casual, pois eu não estava planejando nada além de uma ida ao escritório da Editora Gênese, encontrar a dama do licor censurado e entregar pra ela a lembrança da menina.

Mas eis que num fim de tarde no messenger, ela me diz que vai haver um bazar na Vila Madalena e me convida. Após alguns contatos telefônicos providenciais, tudo fica combinado.

O encontro foi um pouco confuso. Definitivamente eu não tenho nenhuma queda pela estética indie (tema dos produtos vendidos lá).

Depois dos tradicionais atrasos, (e da chuva!) todos se conheceram.

Endie trouxe um amigo que tmb conheceu por este meio. Tuca é um cara na dele e aparenta introspecção, porém, após a quebra do gelo inicial (e de algumas cervas), a conversa fluiu de maneira bacana.

Uma padaria ao lado da MTV. Esse foi o nosso destino final. Lá, conversa vai e conversa vem, fico sabendo de detalhes interessantes de um certo ídolo da raça blogueira em geral. Alias, ganhei dois presentes macanudos na ocasião:




Gracias Menina Prodigio! Adorei o presente!





...e valeu tmb pelo toque especial de Alê!


A propósito: todos os presentes tmb ganharam mimos dessa natureza. Tem regalo melhor que livro?

Cervas, boas conversas, risadas, opiniões e afins. A certa altura reconheci um certo ar de saudade em mim. Apesar do pouco tempo que tive pra conhecer a capital da garoa, notei que o estranhamento e a certa distância que as pessoas daqui mantém perante os outros, é uma característica que pode mudar rapidamente. Como o céu que se abre após uma chuva...

Sim. Sentirei saudades daqui.

Saudades de não poder aproveitar mais as novas ótimas companhias.

Saudades de parte de minha família que mora aqui.

Saudades dos ecos que solidão e encontro que escuto nestas esquinas.

Saudades de diversidade que prende e afasta. Basta vc saber o quer.

...e saudades dos que moram aqui e têm blog que eu frequento, mas que infelizmente não pude encontrar.

(ah! tem tmb aqueles que não moram, mas que por um triz eu não encontrei. Fica pra próxima viu?)

Mas toda melancolia tem seu fim. E hj, em meu ultimo dia aqui, eu só me permito ver a melancolia passar. Logo estarei em outra grande cidade. E conhecerei gente muito especial. O fim de ano promete.

A vcs que porventura conseguiram ler tudo isto: Um ótimo fim de ano! Antecipado é claro de um próspero Natal. Talvez eu fique sem Net durante uns 4 dias, mas é por uma ótima causa.


bloggers



Da esquerda pra direita: Tuca, Ana Smiley, Endora, eu e Alê Félix


Até a próxima, seres!

Selph - 1:04 AM